quarta-feira, outubro 18, 2017
Início > Atualidades > Brasil > Telefonia móvel: Brasil tem queda de 14,09 milhões de linhas

Telefonia móvel: Brasil tem queda de 14,09 milhões de linhas

Telefonia móvel: Brasil tem queda de 14,09 milhões de linhas

Em abril de 2017, o setor de telefonia móvel no Brasil registrou queda de 14,09 milhões de linhas (-5,5%) comparado a igual período de 2016, segundo dados publicados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) esta semana.

Em abril, telefonia móvel registrou queda no número de linhas em todos os Estados brasileiros
Em abril, telefonia móvel registrou queda no número de linhas em todos os Estados brasileiros

No mês, todos os Estados apresentaram queda no número de linhas móveis. Os Estados com maiores quedas foram Pernambuco, com redução de 1,21 milhão de linhas (-10,37%), seguido por Ceará, com diminuição de 1,1 milhão de linhas (-10,3%) e Alagoas, com menos 376,41 mil linhas (-10,23%).

No Maranhão, a variação em 12 meses foi de -5,36%, quando o Estado registrou a perda de 325,34 mil linhas móveis, chegando a 5,74 milhões em abril. Entre março e abril de 2017, a queda foi de 7,78 mil linhas (-0,14%).

Banda larga no país registra 27,29 milhões de assinantes

A Anatel divulgou ainda os números da banda larga fixa, que recebeu 73,43 mil novos assinantes (aumento de 0,27%) em abril, se comparado a março de 2017. O número de usuários do serviço ficou em 27,29 milhões. Nos últimos 12 meses, os resultados também são positivos: 1,39 milhão de novos clientes (5,36%).

Número de usuários da banda larga no Brasil alcançou 27,29 milhões
Número de usuários da banda larga no Brasil alcançou 27,29 milhões

De março para abril de 2017, os maiores crescimentos percentuais registrados foram no Ceará, com 14,21 mil novos clientes (2,31%); no Pará, com 6,9 mil (2,23%); e no Maranhão, com 4,19 mil (1,87%).

Nos últimos 12 meses, todos os Estados apresentaram crescimento. Os maiores percentuais foram registrados no Amapá, com 6,81 mil usuários (13,35%); Maranhão, com 26,26 mil (13,03%); e Rondônia, com 14,64 mil (10,93%).

Gostou do conteúdo? Então, deixe seu comentário; ele é muito importante para mim. Envie sua sugestão de novos assuntos pelo Messenger. Curta e siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, Twitter e Instagram; e inscreva-se no canal no YouTube.


000000000000000
Maurício Araya
Jornalista graduado (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 Maranhão; e vencedor de duas etapas estaduais do Prêmio Sebrae de Jornalismo, categoria Webjornalismo
http://www.mauricioaraya.com.br